NO PRIMEIRO DIA DO NOVO ANO!

NO PRIMEIRO DIA DO NOVO ANO!

Imagem

Primeiro dia, não do ano, mas do mundo,
Deus fez a luz e viu que era muito boa;
E a luz brilhou no caos escuro tão profundo,
E separou trevas, que da luz desentoa.

Quão bela é a luz, e muito mais a do Evangelho,
Que abre os olhos pra ver em Jesus Cristo,
O Verbo Eterno, o Salvador, Filho de Deus,
E crendo dEle a nos alegrarmos nisto.

Que neste ano, desde o primeiro dia,
Possamos ter longe das trevas nossa vida,
E entre o precioso e o vil ter distinção.

Com a santidade prática ter sintonia,
Ao que é injusto e falso não dar acolhida,
E andar com Deus, que é luz, em plena comunhão.

Gilberto Celeti

Adeus ano velho! A DEUS ano novo!

“A noite está terminando, e o dia vem chegando. Por isso paremos de fazer o que pertence à escuridão e peguemos as armas espirituais para lutar na luz. Vivamos decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. Nada de farras ou bebedeiras, nem imoralidade ou indecência, nem brigas ou ciúmes. Mas tenham as qualidades que o Senhor Jesus Cristo tem e não procurem satisfazer os maus desejos da natureza humana de vocês.” (Paulo, o apóstolo – Romanos 13:12-14)

LUZEIROS NO MUNDO

LUZEIROS NO MUNDO

lanterna 1

Na escuridão vivemos não se iluda,
No meio de uma geração perversa,
Que ao pecado adere e não desgruda,
E que na impiedade se alicerça.

Que seja a nossa vida qual lanterna
De modo que em nós seja bem visto
Que o Santo Espirito é quem nos governa,
E que agimos refletindo Cristo.

E todos que conosco têm contato
Conheçam a mensagem que liberta
Que age no homem e o transforma de fato
E o faz andar seguro e bem alerta.

Se uma lanterna avisa do perigo
A vida do cristão também indica
A armadilha do vil inimigo
Que sutilmente atrai e prejudica.

Brilhemos neste mundo pra o Senhor
Sinceros, inculpáveis, verdadeiros;
E sempre, motivados pelo amor.
Mostremos que de Deus somos herdeiros.

Gilberto Celeti

“Fazei tudo sem murmurações nem contendas, para que vos tornes irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo, preservando a palavra da vida” (Filipenses 2:15).

“Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos conduzirem à justiça, como as estrelas, sempre e eternamente” (Daniel 12:3).